Sanitário Compostável – bason

bason pronto

Bason.

O bason é um modelo de sanitário compostável que não necessita de água para o seu funcionamento.

Armazenando os resíduos sólidos humanos junto a serragem, cinzas e restos de alimentos o bason tem como objetivo a produção de adubo orgânico para ser utilizado na agricultura.

Por não utilizar água, a primeira impressão que as pessoas tem ao conhecer o projeto de um bason é de que ele produza mal cheiro. Eu posso confessar que tive o mesmo receio quando ouvi falar pela primeira vez. No entanto, minha impressão mudou quando tomei contato com um. Realmente, por mais incrível que isso possa parecer, o odor é zero!

montando bason

As galerias do bason.

Mas é claro, alguns cuidados devem ser tomados para que o bason realmente funcione. O primeiro deles, e mais importante, é que nenhum liquido deve ser misturado junto às fezes dentro do sanitário. Principalmente a urina, que misturada com as fezes é a principal responsável pelo surgimento de mal cheiro e de patógenos, elementos que podem transmitir ou causar doenças.

Alguns basons são feitos com separadores de urina, que fica armazenada e também serve como adubo na agricultura, após diluída em água.

Outro cuidado importante é evitar que caiam dentro do bason elementos que não sejam biodegradáveis, como plásticos, vidros, metais e borrachas. Podem ser usados na compostagem diversos elementos como: folhas, cinzas, serragem, cascas de alimentos não cozidos e etc. Importante na escolha desses elementos é utilizar aqueles que tenham menor risco de eliminar água durante o processo de compostagem.

Essa é a visão por fora do bason.

Essa é a visão por fora do bason.

Por não utilizar água, o bason reduz um gasto inestimável que as pessoas e governos de diversos países tem com o tratamento de água e esgoto.A estação de tratamento do rio Guandú, que abastece a região metropolitana do Rio de Janeiro, anualmente gasta 26 milhões de reais para purificar, com toneladas de sulfato de alumínio, cloreto férrico e cloro a água que será consumida pela população carioca. Mesmo assim, grandes quantidades de metais pesados ainda podem ser encontrados nessa água.

Evitar que o esgoto seja despejado no rio é um beneficio muito importante para conservação da água. Utilizar esses resíduos como adubo na agricultura é um beneficio ainda maior. Multiplicar uma abordagem técnica que envolva tudo isso de maneira econômica é crucial para a construção de um modelo sustentável de saneamento.

O Sanitário Compostável:

-reduz o gasto exorbitante que se tem para tratar as águas negras transformando-as em águas potáveis.

-elimina o desastre ambiental que é o esgoto despejado em rios e oceanos.

-temperatura constantemente elevada devido a cor da caixa e ao processo de decomposição da matéria orgânica elimina qualquer patógeno.

-diminui os investimentos necessários para obtenção de adubo, obtendo um composto natural e orgânico para uso em sua horta agroecológica.

-possibilita que pessoas que moram em regiões distantes tratem seus resíduos, aonde dificilmente conseguiriam chegar redes de coleta de esgoto.

-é uma solução econômica de aproveitamento de recursos que trabalha na conservação de um dos maiores patrimônios que a Humanidade possui nesse momento; a água.

Por dentro, o bason se parece com um banheiro comum.

Por dentro, o bason se parece com um banheiro comum.

Anúncios